08 outubro 2010

OK GO!

,
Não escreverei nada de mais nesse post, os videos representam por si só, minha felicidade ao perceber que ainda existem bandas incrivelmente criativas.

OK GO prôces, não é exatamente meu estilo musical, mas vale a pena se ligar nas duas produções que eu mais curto.






lógico que isso não justifica meu atraso com o blog, mas estou trabalhando nisso.

03 setembro 2010

Por que eu amo minha cidade

,

Salvador é a cidade comumente conhecida pelo carnaval, bares, praias, pagode e garotas que andam por ai com mini-shorts faça chuva ou sol.

Eu vou te dizer aqui com todas as letras por que eu amo minha cidade.

Salvador é uma cidade única, aqui você vai encontrar de quase tudo. É pequena se comparada com as grandes metrópoles mas dá para se perder. Você vai encontrar todo tipo de contradição, mas é isso que a torna única.

Por coincidência, eu estava limpando minha caixa de e-mail e vi um de uma moça que criticava "Os Normais" por uma piada preconceituosa sobre baiano.

Vou contar algo a vocês "Senhores Paulistanos", se vocês vivessem aqui, viver mesmo, como muitas pessoas, jamais abririam a boca para fazer piada alguma. Ao contrário, os baianos deveriam fazer piada da "nobre" cara de vocês, já que "Sampa" é uma cidade constituida de prédios e mais nada. Quando muitos dos paulistanos estão em busca de férias, a grande maioria vem para as cidades do Nordeste.

Então meus caros, deixa eu te dizer de verdade o que é ser baiano e não tem nada haver com ser preguiçoso. Por que baiano, como todo brasileiro luta para por comida na mesa.

Baiano levanta cedo, muitas vezes atrasado por que quis dormir mais um pouco. Ele mal toma café. Na ida para o trabalho já é uma tortura pois o sistema de transporte de sua cidade não é dos melhores, pega o "buzu" lotado daqueles que tem gente até com o corpo na janela, trabalha um dia inteiro, chega em casa só quer descansar,

No fim de semana o baiano vai em busca do que vocês INVEJOSOS não podem ter, PRAIA. Sim, por que aqui em Salvador você pode estar onde estiver, mas é sempre perto do nosso adorado mar. Ai ele bebe, fala manso e curte seu pagode.

Chega o fim do mês ele não tem dinheiro mais pra nada e ai pegar no batente recomeça. Salvador não tem grandes projetos para por os jovens no mercado de trabalho, você vê meninas de 15 anos grávidas, as escolas estão em péssimas condições, ser alguém aqui é dificil.

Ai vocês me perguntam, como você ama sua cidade falando tudo isso dela?

Por que as pessoas aqui apesar de todas as adversidades, da maré estar sempre contra elas, o queixo continua erguido. Minha cidade tem história, ela tem fundamentos, na minha cidade tem BRASILEIROS. Dificil alguém vir a Salvador e não se sentir bem, lógico que a geografia ajuda muito, mas a essencia da minha cidade é essa.

Como em todo o Brasil nela existe segregação, mas que não seja por isso. Nem tudo é determinantemente perfeito. São Paulo então...


Este texto não foi escrito desenjando ofender os paulistas ou paulistanos, é apenas uma crítica a este preconceito enraizado. Até por que, tenho muitos amigos do estado de São Paulo. Para toda regra existe excessão.

29 agosto 2010

Salão do estudante

,


Bom, não costumo divulgar "coisas" aqui mas achei válido tornar ainda mais público o evento que vai acontecer aqui em Salvador. O Salão do estudante acontece uma vez no ano aqui, assim como em outras capitais brasileiras, o evento tem por finalidade inteirar os estudantes interessados em ingressar em instituições no exterior seja para aprender outra língua, em busca de cursos de especialização e intercâmbio universitário.

O mais interessante no evento entretanto, não é o mesmo. E sim a possibilidade de estar frente a frente com representantes das maiores intituições da área de intercâmbio brasileiras, além de palestras e poder concorrer a bolsas de estudos. Logo, é uma boa pedida e eu estarei "colada".


Onde e quando:

19 de setembro
Hotel Pestana Bahia
R. Fonte do Boi, 216 - Rio Vermelho
13:00 - 19:00





Este post NÃO está sendo patrocinado

21 agosto 2010

Amizade, por Mauricio de Souza

,

Recebi esses quadrinhos do Maurício de Souza por email.
Não é dia do amigo nem nada, mas nada melhor do que uma leitura amena no fim de semana, né?
Então curtam a vontade. E só vou dizer uma coisa: "viiiiiu? a Mônica e o Cebolinha CASAM! hunf HAHAHAHAH"

Bom fim de semana a todos

20 agosto 2010

American Idol

,

É tão poser eu fazer um post com esse tema, mas devemos convir que o American Idol é muito bom (óbvio, não tem comparação com o Idolos --', mas isso é assunto para outro post).

Eu acompanho o programa desde a primeira edição e para mim os artistas apresentados são excelentes ao extremo.

Vamos as ilustrações e minha singela opinião sobre os Idolos Americanos.

Kelly Clarkson


Nem tudo é perfeito, mas a Kelly para uma branca tem uma voz incrivelmente forte (não estou desmerecendo os brancos, mas concodemos que as vozes de negos e brancos possuem timbres distintos). As mulheres desta temporada não tinham muita presença ou uma voz como a dela, então creio, por ela ter um estilo bem comercial a Kelly representa bem os EUA.

Ruben Studdard


Simplismente INCRIVEL o Ruben! Tá ai uma das maiores aquisições do Idol, esse cara canta muito, tem presença, mas infelizmente possui uma imagem e estilo pouco comercial.
Assistam ao vídeo o cara é o cara.

Fantasia Barrino


Uma breve comparação....


Qualquer semelhança é mera coincidencia? Eu detesto a Duffy (que eu "carinhosamente" chamo de chocolate em pó), quando ela surgiu logo depois da Amy Winehouse que surgiu depois da Fantasia, penso: "noooossa ela é terrivel meeo" ela é detestável cantando ao vivo. Voltando a Fantasia
me digam sério mesmo, ELA NÃO TEM TUDO PARA FAZER TANTO SUCESSO QUANTO A KELLY CLARKSON? Pois é... mas em plenos anos 2000 Fantasia não faz o estilo do público alvo que as gravadoras querem alcançar, mas ainda assim ela foi vencedora.

Carrie Underwood


Para mim, a pior escolha até hoje. Nem comento a voz dela ;x

Taylor Hicks


Para mim a Katharine McPhee deveria ter ganhado...


O Taylor não é ruim mas a Katharine era minha preferida nesta temporada. Creio que ele não foi muito a frente devido a idade e esse estilo meio forçado na voz...

Jordin Sparks


MINHA PREFERIDA DE TODAS AS TEMPORADAS DO IDOL. A Jordin é BONITA, tem carisma e uma voz incrivel.
Lógico que depois que o programa acaba a história é outra...

David Cook


AHH tava na hora deles lançarem um cara que fizessem as meninas babarem né?
Ele é bem estilo Kings Of Leon e canta muito bem.

Kris Allen


Terrivel, não encontrei nenhum video digno do rapaz cantando, para mim ele não deveria ter ganhado a voz dele é muito forçada, com certeza a aparencia contou muito na decisão dos jurados.
Coisa interessante nesta temporada, o Kris ganha mas quem faz sucesso de verdade é Adam Lambert (o segundo lugar).


A presença de um deficiente visual na final, Scott MacIntyre o cara canta e toca piano como ninguém, o Ray Charles branco?


9º Lee DeWyze


Não muito merecido, mas não acompanhei a temporada completa.


Está ai, um aulão sobre American Idol.
Espero que tenham curtido e não saiam sem comentar! :)

18 agosto 2010

Qual beleza tem valor?

,
Então ela estava lá, em um salão de formatura vestida com sua calça jeans preferida, camiseta branca, tênis velho meio marrom da lama que encontou na entrada do prédio e de adereço apenas argola e um relógio. Ela estava destoando, causando auvoroço e vendo as pessoas comentarem ao redor de seu cabelo CRESPO, completamente fora do padrão. Daquele lugar ou de qualquer outro. Os trages informais são apenas pretestos para notar alguém que provevelmente seria notado pelo seu estilo de ser.

Quem ela procurava? O que procurava? A vida nem sempre responde e nem ela queria responder, gostava de se sentir no centro das atenções, saber que era diferente de todos ali. Ela tinha um corpo bonito não do tipo sem gramas sobrando, mas do tipo que dá vontade de abraçar e saber se é tão macio quanto parece, o rosto de bolacha que continha um sorriso descontraido direcionado para um rapaz descabelado vestindo uma camisa, calça social e all star. Um casal fora dos padrões em uma festa padronizada. Dificil não reparar, eles pareciam gostar disso.

Olho ao meu redor, por perto uma senhora com um vestido provavelmente alugado, desejo de passar uma boa impressão? Será que invejava o tênis da garota? Aqueles sapatos paraciam machucar. Todas as moças do salão portavam um cabelo liso, exceto por uma que estava em uma mesa a minha direita, ela tinha o cabelo trançado, contido, formando uma espécie de desenho estava muito bonito.

Todos estavam iguais, sorrisos iguais, vestidos e ternos de modelos iguais, sapatos, cabelos e forma de dançar também iguais. Dá até vontade de dormir.

O rapaz e a moça de aproximam do palco onde a banda tocava "macarena", cochicham algo pro cantor e logo depois Snow Patrow invade a pista, ninguém mais sabia como dançar, se mover ou ate mesmo sorrir, algo se descongelou e aquele casal começou a dançar. Sem coreografia, a rizada da moça fazia coro com a bateria, os cabelos acesos pelas luzes, era lindo.

Eu até mesmo comecei a bater os pés, detesto festas de formatura e gosto de Snow Patrow.
Pela primeira vez estava me divertindo em uma festa desse estilo. E me admirei com o quanto as pessoas se desconcertam com coisas que mexem com padrões.

Aquela moça é a repesentação do que todos gostariam de ser: O diferente em meio aos iguais, quase literalmente a ultima bolacha do pacote. Talvez a vida dela não seja tão simples quanto ela passe ou tão feliz. Mas nela continha algo que algumas pessoas nunca vão aprender a possuir: Autenticidade.

Texto por: Patrícia Cunha

***
"Então, eu ergui minha cabeça
Escondendo o ódio que queima por dentro
Que só alimenta o orgulho egoísta deles
Estamos todos aprisonados
Longe do Sol
Um Sol que só ilumina alguns
Nós os oprimidos estamos todos em um"
(Creed)
***

Rir é o melhor remédio

,
No sábado passado decidimos aqui em casa arrumar a área de serviço. Acreditem, tinha de tudo lá, sacos com documentos, estante que já não prestava mais pra nada, tintas, panelas...

Começamos pelos papeis, e como tinham vários documentos, decidimos queimar tudo (a camada de ozonio que me perdoe) e naquele bolo todo de papel encontramos uma coletânea de piadas da revista Seleções.

Confesso que de primeira pensei em queimar, mas quando comecei a ler e rir vi que eu jamais poderia jogar aquela revista fora. Não por ela ter algum significado muito além, mas por acreditar que o riso cura coisas ruins que as vezes acometem o nosso emocional, senso de humor nos ajuda a superar as fases ruins do nosso cotidiano.

Então ai vai uma sugestão de alguém que não sabe nada da vida:
Sorria! Você está sendo filmado.

Nada de surpresas

,
Já a algum tempo recebi um email que dizia "Nunca faça isso", neste email continha um vídeo e eu como uma pessoa incrivelmente curiosa eu fui ver e agradeci aos céus por não ser virus (risos).
vou postar ele aqui para vocês.

boa quarta feira queridissimos :)

video

17 agosto 2010

O cabelo da mulher

,
É triste as pessoas pensarem que a mulher deve viver se depilando, maquiando e mostrando um lado, digamos... inexistente. Um dos esterótipos sociais que dão a mulher é aquele do cabelo comprido.

Eu simplismente havia me cansado do meu cabelito comprido e decidi ousar e aderir ao mega curtinho.
AHHHH, mas antes de ficar imensamente feliz eu passei por uma doentia provação.

Não acertei de primeira com a profissional, na verdade a garota que cortou primeiro meu cabelo me fez querer cometer suicidio social, o cabelo ficou impossivel, no formato de um cogumelo, sem movimento, esta é a descrição do corte que eu mais detesto no meu cabelo o CHANEL!

Meu cabelo como bom rebelde e cacheado lógico não aceitou este corte. Então me vi em busca de uma verdadeira profissional, paguei caro, mas ficou do jeitinho que eu sempre sonhei CURTO!

Então minhas queridissimas cabeludas, se você quer mesmo mudar o visual corte mesmo o cabelo sem ligar para o que os outros pensam, por que neste momento quem mais importa é a SUA opinião e satisfação.

A um tempo sem postar, mas voltando devagar :)

25 julho 2010

Lenny Kravitz

,
Eu não costumo falar muito de música, mas vamos á Lenny Kravitz só para abrir este tema.

Vou dizer duas coisas muito interessantes sobre este cantor:

• Ele é nego e canta rock

Não estou falando de blues, jazz, soul... eu to falando daquele rock tipo Aerosmith (não igual, lógico), aquele rock com guitarra, bateria, baixo! cara, não "conheci" muitos negros que faça parte desta seleta galera.

Não que eu seja fã dele. Mas devo reconhecer que ele teve seu potencial enquanto durou, ele tinha uma voz legal, e um visual incrivel! Pena que ele começou a se "branquear", fez chapinha no cabelo, lançou baladinhas... e foi decaido.

Lenny, segundo dados da internet nasceu em Nova Iorque e já vinha de uma familia do mundo artistico (o que não é surpresa certo?) ele ganhou muitos prêmios, e como todo negro norte americano... ele teve que se esforçar mais para conseguir ascender... e consegiu.

Alguns dizem que ele também é letrista, mas eu não posso dizer isso, já que nunca peguei as letras dele traduzidas, mas acredito que falem de coisas relacionadas com o intimo das pessoas... se nos forarmos nos clipes (mas nos EUA, é mais comum os clipes nada terem haver com as letras --').

Vou ver se posto os dois clipes dele que eu mais gosto na página Videos :)
mas só amanhã









22 julho 2010

Peter Rabbit e seus amigos

,
AHHH eu tive uma infância televisiva muuito feliz, muito mesmo (não que a tv algum dia tenha sido realmente boa). Acho que todo mundo no decorrer da vida já parou e pensou "noooossa, na minha época os desenhos eram melhores" ou "essas crianças de hoje não sabem o que estão perdendo" quando elas não aguentam ver as maravilhosas aquisições da nossa juventude.

Peter Habbit é uma dessas maravilhosas aquisições (lógico que na lembrança). Eu era uma criança que adorava televisão e video game (eu tinha o Super Mega Drive 3, enquanto todo mundo tinha o Nitendo - mas isso é assunto para outro post), e a TV Cultura era canal cativo em minha vida, Peter Rabbit era exibido por esta.

Me lembro que passava aos domingos e teve uma vez que eu não consegui assisti direito por que estava com piolhos (baah! quem nunca teve piolhos na vida?) e minha mãe estava fazendo um verdadeiro exercicio em minha cabeça com aquele pente fino (risos). Peter é um coelho que a cada episódio inventava uma aventura, sempre ligado a desobediencia (ele desobedecia bastante a mãe).

O interessante neste desenho não é só a sua história, os gráficos lembram desenhos de livros infantis, não tinha um diálogo besteirol (como se as crianças fossem retardadas), são diálogos claros e interessantes que nos convidam à análise. Outra coisa super legal é o fato de o desenho começar com imagens de pessoas reais, uma desenhista que tem um coelho (que possivelmente era o Peter), fazendo-nos imaginar se seria realmente ficção (lógico a criança pensa: "é o Peter! é ele sim!" e se alguém diz que não faz cara de choro).

Eu devia ter uns 10 anos quando Peter Rabbit parou de passar na tv, e confesso que senti saudade. Depois de um tempo comento mais sobre meus hobbes televisivos, no mais, eu colocarei um episódio desse desenho super legal numa página expecífica para videos. Vocês podem ir lá e conferir.

Abraços para quem lê

09 julho 2010

Ser feliz

,

Ser feliz é complexo, felicidade e tristeza é meio que uma idealizção. Você idealiza que é triste, idealiza que é feliz, a vida é feita de repetições. As pessoas buscam a todo momento algo para tornar tudo pior do que é, faz parte da genética humana.

Por que você perder o que quer que seja te faz uma pessoa mais triste que as outras?
Será que ser feliz com o que se tem realmente é dificil? Concerteza sim, as pessoas sempre estão em busca do mais, e é ai que entram os grandes problemas. O mais, porém, deve ser buscado porém com coerência e ser coerente na busca dos sonhos também é dificil.

Cabem as pessoas entrarem em concordancia consigo mesmas, faz parte da vida os baixos e cair é extremamente fácil, dificil mesmo é subir e continuar de cabeça erguida.

Bom fim de sexta-feira a todos.

05 julho 2010

Tudo tem valor

,
Na verdade eu quis dar um abraço...
Dizer o que se sente muitas vezes é dificil, as vezes até um elogio, por mais que você o queira dizer é dificil de expressar. Acho que muitas pessoas se sentem ou já se sentiram assim.

Sentimentos são complexos, as pessoas são complexas. É isso que as tornam únicas.

Uma vez minha mãe me disse que sentia um rato de laboratório, que provavelmente o homem é uma experiência alienigena, como um virus em um corpo (natureza), e o resultado seria quais os problemas que este virus viria a causar neste corpo ou a eles mesmos.

Parece louco pensar assim, mas quantas pessoas já não se sentiram observadas, solitárias, sentimentais? Não são experiências? Onde está escrito que tudo o que vivemos é real? Que não vivemos sonhando e que na verdade o sonho é a nossa vida real que decidimos esquecer?

Não faz sentido, mas assim como eu você parou para analisar como seria uma situação dessas. E se fossemos uma experiencia?

São apenas questionamentos, me bati pensando em coisas assim de repente. Hoje eu percebi como simples momentos fazem parte do contexto, mas que ainda assim são inexplicáveis, como os conflitos surgem, as brigas, as amizades. Se somos experiência, provavelmente tudo o que vivenciamos tem algum valor. Da alegria ao sofrimento, quem se importa?

Quantas pessoas se questionam, como eu? Quantas sofrem, quantas riem, quantas choram, se sentem impotantes todos os dias, como eu?

Até que ponto uma pessoa agradece todos os dias por viver, como eu...?

Foi um post pessoal, coisa repentina.

Abraços para quem lê

29 junho 2010

O.C Um estranho no paraíso

,
Ah! eu me lembro bem das histórias que este seriado acarretou, na verdade ele conta história de pessoas adultas e adolescentes desequilibradas (risos). O seriado conta a história de um rapaz (ryan) que é adotado por um advogado, após alguns conflitos familiares. E a história assim segue contando a história desse rapaz e sua adaptação no mundo da elite de uma cidadezinha.



O interessante de O.C é que ele mostra os edemas de uma sociedade "perfeita", quando todos poderiam ser felizes apenas buscam motivos ou situações controversas para se estressarem ou simplismente não ser feliz. Acho que daí podemos ter uma idéia de que nada neste mundo realmente é perfeito...

OC é uma boa pedida para quem quer entrar num mundo incrivelmente abstrato, o seriado ja foi terminado na Warner hoje é reprisado (frequentemente) no I-Sat que é um canal fechado que passa inumeros outros seriados legaizins ;D

abraços!

20 junho 2010

Seja bem vindo à copa

,
É inegável o "ar" que paira ao nosso redor em tempos de copa. Estranhamente as pessoas ficam mais felizes, mais flexiveis, mais aptas às amizades. Em tempos de copa você é obrigado a torcer "pelo seu país" e mostrar o seu lado mais puro e límpido nacionalista.

Não podia deixar de frizar que estou detestando o time brasileiro, não sou nacionalista? mas pelo menos consigo ser realista diante de tantas vuvuzelas, pessoas de caras pintadas e chapelões verde e amarelo (que por sinal são as cores do mascote desta copa, mas não tem nada haver com o Brasil, verde e amarelo também é a cor da África do Sul).

Lógico, que não podemos esquecer a parte boa da copa (são poucas, mas são boas), pelo menos em um intervalo de tempo de 4 anos a maioria dos brasileiros seguem uma meta em comum, as familias se reunem, os amigos se reencontram... a parte ruim? bom, a principal é se estressar assistindo os perna de pau da nossa seleção, ouvir Galvão Bueno endeusando Kaká (que não faz PN)... dentre outras coisas.

Quanto ao ser nacionalista, é fundamental que os brasileiros pensem em "ser brasileiro com orgulho e muito amor" todos os dias, não apenas quando tem uma câmera na frente deles (e como consequencia eles pulam que nem loucos, extremamente rídiculo, vergonha alheia total --'), mas pensar mais no sentido coletivo da palavra, não se deixar esquecer da realidade por causa de uns caras com o c* transbordando de dinheiro, correndo atrás de uma bola, hoje nem mais por amor, apenas por boa vida.


12 junho 2010

Quase 6 meses depois...

,

Olá queridos e queridas!
voltei muitos meses depois, né? E narco justo o dia dos namorados para voltar a ativa.
Não apenas por ser uma espécie de feriado romântico, mas também para demonstrar o quanto gosto de blogs e internet, mantemos uma relação saudável.
Algumas pessoas vêem o dia dos namorados como apenas mais um dia inventado para alimentar o capitalismo, é isso também mas não apenas. Acho que só se é possivel entender a mágica desse dia quando se está namorando.
Pra mim um casal pode se presentear de diversas formas durante um ano inteiro, não necessariamente apenas neste dia. Mas acontece no dia dos namorados o que nem sempre acontecem no ano inteiro de muitos casais. Existem brilho nos olhos, rizadas, vontade de estar junto, esquecer os problemas durante pelo menos 24 horas.
Parece clichê mas todo mundo neste dia quer pegar um cinema e depois comer uma pizza, se não for isso inventa algo bem romântico pra fazer. É o mover carente dos corações (risos). No dia dos namorados, quem não namora fica em casa ou inventa de sair com os amigos para fingir que se sente feliz sem alguém no sentido romântico da palavra e faz milhares de criticas ao "semi-feriado".
Como eu sei disso? Já fui solteira e já critiquei o dia dos namorados (risos).
Lógico que tem o sentido social, economico e "capitalistico". Mas aqui estou englobando apenas o sentido emocional deste dia. Sabe-se que tem pessoas que não aceita o simples fato de passar o dia dos namorados sozinha, fica triste mesmo, acabada. Para que todos compreendam que esta simples invenção do capitalismo (como a copa do mundo, o reveillon, o natal, a páscoa) realmente mexe com as pessoas, bem fundo em seus corações.
Por isso desejo a todos vocês um Feliz Dia dos Namorados, não apenas no namoro romântico, mas no namoro do que é bom e do que faz você feliz.

01 janeiro 2010

Um 2010 atrasado

,


E mais um ano se inicia cheio de metas e mudanças. Para mim 2010 só vai começar de verdade quando pelo menos uma de minhas metas forem alcançadas, pois mudanças, mudanças em mim ocorem todos os dias.

Lutar por um ideal é difícil principalmente quando você não sabe o que será feito quando o mesmo for alcançado.

Eu venho aqui, Vivi, apenas para dizer que neste ano você vai se desenvolver como ser humano, você vai produzir, vai mudar sua opinião e vai mudar a opinião de outras pessoas, haverão momentos que tudo parecerá cinza e outros que a cor se mostrará forte e sólida, oportunidades serão aproveitadas e outras não.

E no fim das contas, depois de todas as experiências você entenderá que o que muda não é o mundo e sim a sua concepção.

Que esse 2010, ainda não iniciado, seja de novos horizontes. Amém
 

Patrícia, mas conhecida como "Vivi" Copyright © 2011 -- Template created by O Pregador -- Powered by Blogger Templates